quarta-feira, 23 de março de 2016

[Opinião] "Insónia" de J. R. Johansson (4 Estações)

0


Sinopse:

Parker Chipp tem dezasseis anos e não dorme há quatro. Está pálido, tem olheiras, sente tremores e, por vezes, "apagões", não tendo qualquer memória sobre onde foi - e o que fez - durante esses períodos de tempo. Está, enfim, a chegar ao limite das suas forças.

É que, em vez de Parker dormir, todas as noites ele entra nos sonhos da última pessoa com quem teve contacto visual. Não compreende como esta sua maldição funciona, mas sabe que, se nada na sua vida mudar em breve, simplesmente morrerá.


Até que conhece Mia. Os sonhos dela são belos e tranquilos, permitindo-lhe um repouso maravilhoso… e extremamente viciante. Mas aquilo que começou por ser um encontro fortuito torna-se uma verdadeira obsessão - o enorme desejo de Parker para ter aquilo de que precisa vai levá-lo a exceder todos os limites que nunca imaginou ultrapassar.

Ficha Técnica:

Edição/reimpressão:2015
Páginas: 240
Editor: 4 Estações Editora
ISBN: 9789898761149

Idioma: Português

Opinião:

"Insónia" é um livro que nos tira o fôlego, desde o primeiro momento ficamos agarrados desde o primeiro momento.

Como é falado na primeira pessoa, sentimos em primeira mão tudo o que o protagonista, Parker, passa. Sabemos quais são os seus receios e sabemos o que o motiva.

Quando começamos a entrar nos sonhos dos outros com ele, sentimo-nos como Voyers, que observam os vizinhos. Ficamos a saber os seus segredos mais obscuros, os seus desejos mais secretos, que tentam ocultar todos os dias. Mas a verdade é que os olhos não mentem. E, Parker, não dorme, ele não descansa e o seu cérebro começa a sofrer as consequências da privação do sono.

Quando conhece Mia, finalmente consegue adormecer profundamente e descansar. Começa a agradecer a sua sorte pois, sem ela, teria morrido. Mas, a sua perseguição à jovem começa a ser mal entendida e esta começa a temê-lo. Precipitando-se os eventos, quando Mia começa a receber mensagens ameaçadoras e assume que este é o culpado de tudo e que Parker lhe quer fazer mal.

Este livro é relativamente pequeno, o que o torna bastante intenso e de rápida leitura. Viciante do início a fim.

LilianaNovais
Reacções:

0 comentários:

Enviar um comentário