terça-feira, 15 de março de 2016

[Opinião] "O Chefe" de Abigail Barnette (Planeta)

0

Sophie Scaife quase tinha fugido ao destino, quando trocou o bilhete que a levaria para a faculdade por um bilhete para Tóquio. Mas um atraso no voo e um encontro escaldante com um desconhecido fê-la mudar de ideias, colocando-a no bom caminho para alcançar um ambicionado emprego numa revista de moda em Nova Iorque.

Quando o irresistível desconhecido daquela noite extraordinária se revela como o novo chefe, o milionário magnata da comunicação Neil Elwood, Sophie não resiste à oportunidade para reacender a chama entre os dois… e a oportunidade para explorar o seu lado submisso com o homem mais dominador que alguma vez conheceu.

Neil é o único homem que compreendeu a sua necessidade de se submeter sexualmente, o único homem que conseguiu satisfazer esses desejos. Quando a sua relação tórrida e descomprometida se transforma em algo mais, Sophie terá de escolher entre a carreira e o coração… ou arriscar-se a perder ambas as coisas.


Grávida, desempregada e caída em desgraça, Sophie Scaife tem a vida virada do avesso. A sua relação com o milionário Neil Elwood está destruída. A carreira da melhor amiga ascende rapidamente. E Sophie receia ter de tomar uma das mais difíceis decisões da sua vida sozinha.
Quando um diagnóstico devastador obriga Neil a regressar a Londres, Sophie deita a cautela para trás das costas para seguir o coração para o outro lado do Atlântico.

Ao fim de um ano tumultuoso, a relação de Sophie Scaife com o namorado e dominador Neil Elwood, está mais escaldante e feliz do que nunca. Mas quando o casamento da filha e a celebração dos seus cinquenta anos desencadeiam uma mudança nos planos de Neil, Sophie vê-se perante um futuro muito diferente do que imaginara.


Diretora de uma revista, noiva e futura avó emprestada aos vinte e seis anos, Sophie Scaife mal pode esperar para iniciar a sua vida como mulher do namorado e dominador Neil Elwood, o seu bilionário maliciosamente sádico. Mas um trauma antigo continua a perseguir Neil. Quando os pormenores privados atraem interesse público, Sophie percebe que as cicatrizes do passado são muito maiores do que pareciam e que o noivo vai precisar de todo o seu amor para as sarar.



Opinião:

Já há algum tempo que não me sentava a ler e a escrever uma critica. E, portanto, achei conveniente começar por criticar estes quatro livros que li ao longo destes meses.

O romance erótico nunca foi o meu livro de excelência, mas tenho de garantir que ultimamente tenho tido algumas surpresas excelentes e que me deixam de boca aberta. Esta coleção foi uma das que me cativou e que me deixou fascinada.

As personagens principais são muito realistas, têm os seus defeitos e as suas qualidades. Nem sempre as suas ações nos mostram com certeza o que pretendem. Tal como na vida real, as reações e as nossas decisões irão afetar a nossa vida. E, uma decisão, alterou por completo a vida das duas personagens principais, Sophie e Neil.

A paixão entre os dois é bem patente ao longo dos vários volumes e acabamos por ficar viciados na história. Vamos acompanhar este romance que parecia escrito nas estrelas e vemos a relação a crescer. Tornando-se uma história digna de coragem, amor e devoção.

Inicialmente, não consegui simpatizar com a Sophie, parecia-me muito interesseira e muito convencida. Por vezes assemelhava-se àquelas meninas que odiamos na escola, e que tinham tudo nas mãos. Mas conforme avançamos nos volumes começamos a ver outros lados dela e acabamos por sentir alguma empatia com ela.

Por seu lado, Neil é uma personagem apaixonante, que nos cativa desde o primeiro minuto e nos faz querer seguir os seus passos para todo o lado que vai. Quando aparece em cena é electrizante chegando mesmo a ofuscar a Sophie e qualquer outra personagem que lá se encontre.

A filha de Neil é uma querida que, apesar de aparecer muito pouco, nos deixa uma marca.

Neste livro é tratada uma temática interessante, principalmente baseada na diferença de idades entre duas pessoas numa relação. Outra temática é os abusos cometidos quando temos tudo ao nosso dispor como é por exemplo drogas e álcool.

Uma série muito interessante que tem dado muito o que falar.

LilianaNovais
Reacções:

0 comentários:

Enviar um comentário