domingo, 5 de julho de 2015

[Opinião] "Para Além da Meia Noite" de Lara Adrian (Quinta-Essência)

0




Sinopse:


Aos dezoito anos, Corinne Bishop era uma jovem bela e cheia de vida, com uma existência privilegiada como filha adotiva de uma família com dinheiro. O seu mundo mudou no instante em que foi raptada e mantida prisioneira pelo malévolo vampiro Dragos. Despois de muitos anos de cativeiro e tormento, Corinne é salva pela Ordem, um grupo de guerreiros vampiros envolvidos numa guerra contra Dragos e os seus seguidores. Para além de a terem despojado da sua inocência, Corinne perdeu também parte do seu coração… a única coisa que lhe dava esperança durante o seu calvário e a única que lhe interessa agora que é livre.
O guerreiro Hunter é incumbido de proteger Corinne durante o seu regresso a casa. Um dos assassinos mais letais de Dragos, Hunter trabalha agora para a Ordem, e está empenhado em fazer com que Dragos pague pelos seus muitos pecados. Ligado a Corinne pelo seu mútuo desejo, Hunter terá de decidir até onde está disposto a chegar para acabar com o reinado de maldade de Dragos… mesmo que concluir a sua missão signifique despedaçar o terno coração de Corinne.

Ficha Técnica:

Edição/reimpressão:2015
Páginas: 360
Editor: Quinta Essência

ISBN: 9789897412868

Opinião:

Este é o segundo livro desta colecção que leio. Ainda não consegui ler os restantes livros da coleção e portanto ainda não estou bem dentro da trama. Mas este livro, ao contrário do outro deixou-me mais esclarecida e com um maior conhecimento das personagens.

Neste volume a intensidade com que a autora escreve é grande, envolvendo o autor. Um pormenor interessante, é que as cenas eróticas não são exageradas e surgem com bastante naturalidade, mas a tensão sexual é bastante patente ao longo do livro na forma como as duas personagens lidam uma com a outra.

Hunter é descrito como um guerreiro ferroz, uma máquina de matar, o qual duvidam que tenha sentimentos, ou mesmo que seja capaz de se apaixonar. Mesmo este não acreditava que seria capaz de amar alguém, ou mesmo de sentir algo em relação a alguma mulher.

Quanto à personagem Corine, esta parece-me ser uma mulher muito forte graças ao que passou e também ao desejo de seguir com a sua vida e recuperar tudo o que perdeu ao longo dos seus anos de cativeiro. Esta personagem descobre coisas sobre o seu passado que a poderiam destruir e a traição de que foi vítima é ainda pior do que ela imaginava.

A relação entre as duas personagens cresce rapidamente mas o resto da trama tem uma evolução lenta e acaba num ponto chave o que faz ao leitor querer ler o resto da história.


LilianaNovais
Reacções:

0 comentários:

Enviar um comentário