sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

[Opinião] "Vou Amar-te para Sempre" de Monica Murphy (Topseller)

0




Sinopse:


Perder. Tudo na minha vida se resume a esta palavra doentia. O meu treinador culpa-me por termos perdido os jogos decisivos da temporada. E o resto da equipa também. Passei os últimos dois meses completamente perdido e fechado sobre o meu desespero, como um autêntico fracassado. E perdi a minha namorada — Fable, a única rapariga que alguma vez mexeu comigo — por não me achar suficientemente bom para ela e por não querer magoá-la.
Agora sei que deixá-la foi um erro e, ao ser cobarde, fui eu quem mais perdeu. Mas, mesmo que ela finja que está tudo bem e que seguiu com a sua vida, sei que ainda pensa em mim. Conheço-a demasiado bem. Raios… Ela é tão frágil que tudo o que eu mais quero é estar por perto para protegê-la… para abraçá-la… para amá-la.
Só preciso que ela me dê mais uma oportunidade. Estamos perdidos, um sem o outro, mas eu sei que juntos podemos viver um amor incomparável, para sempre.

Ficha Técnica:


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 256
Editor: TopSeller
ISBN: 9789898800190

Opinião:

"Vou Amar-te para Sempre" é a continuação da história de Drew e Fable iniciada no romance "Uma Semana para te Amar" pela autora Monica Murphy. Não cheguei a ler o primeiro livro e isso dificultou inicialmente a leitura, mas a autora conseguiu fazer com que eu compreendesse o passado destas duas personagens de uma forma bastante completa.

Recentemente assistimos à dismistificação dos romances eróticos e as pessoas deixaram de ter "vergonha" de os lerem. Mas isto será algo de um artigo em breve. 

Para mim, um bom romance erótico tem de ter alguma história e um bom enredo para me cativar, melhor dizendo, qualquer livro. 

O romance entre Drew e Fable ão é o tradicional conto de fadas e aqui vemos duas pessoas que são relativamente inseguras a tentarem compreender o que sentem e a tentarem abrir os seus corações e a tentarem confiar noutra pessoa. Ambos são pessoas marcadas por um passado conturbado que foi descrito no primeiro livro e esse mesmo passado marcou o final do volume anterior e marcou o ritmo deste. Será que é desta que os dois vão ficar juntos? Será que Fable vai perdoar Drew? E mais importante ainda, será que Drew vai ser capaz de se perdoar a si próprio?

Adorei a personagem da Fable, extremamente forte e decidida, apesar dela desconhecer essa sua faceta, acaba por amadurecer ao longo deste livro e vai a tomar mais as rédeas da sua vida. Ela inicialmente está muito desconfiada e não acredita que tem o direito de ser feliz, isso torna a sua vida mais complicada e ela resiste bastante àquilo que a pode fazer feliz.

Quanto ao Drew, foi refrescante conhecer um personagem masculino que não é o estereótipo dos romances eróticos, ou seja uma rocha inabalável. A vulnerabilidade dele torna-o mais atraente e um melhor protagonista, na minha opinião.

Um pormenor que adorei deste livro foi o facto da autora decidir escrever o romance do ponto de vista das duas personagens e as passagens entre os capítulos são suaves e naturais. Num momento estamos na pele da Fable e noutro estamos na pele do Drew de uma forma contínua e não nos sentimos desconfortáveis em nenhum dos dois.

O final esse deixa-nos com os nervos à flor da pele e ansiosos pelo desenrolar da acção, mas não vos vou estragara  leitura.

Este é um romance completo, cheio de emoção, com uma história interessante e profunda, analisando as emoções humanas de uma forma requintada. Acabei por ficar com curiosidade de ler o primeiro.


LilianaNovais

Reacções:

0 comentários:

Enviar um comentário