terça-feira, 6 de março de 2018

[Opinião] "A Rainha Vermelha" de Victoria Aveyard (Saída de Emergência)

0


Sinopse:

A sua morte está sempre ao virar da esquina, mas neste perigoso jogo, a única certeza é a traição num palácio cheio de intrigas. Será que o poder de Mare a salva... ou condena?

O mundo de Mare, uma rapariga de dezassete anos, divide-se pelo sangue: os plebeus de sangue vermelho e a elite de sangue prateado, dotados de capacidades sobrenaturais. Mare faz parte da plebe, os Vermelhos, sobrevivendo como ladra numa aldeia pobre, até que o destino a atraiçoa na própria corte Prateada. Perante o rei, os príncipes e nobres, Mare descobre que tem um poder impensável, somente acessível aos Prateados.


Para não avivar os ânimos e desencadear revoltas, o rei força-a a desempenhar o papel de uma princesa Prateada perdida pelo destino, prometendo-a como noiva a um dos seus filhos. À medida que Mare vai mergulhando no mundo inacessível dos Prateados, arrisca tudo e usa a sua nova posição para auxiliar a Guarda Escarlate – uma rebelião dos Vermelhos – mesmo que o seu coração dite um rumo diferente.

Ficha Tecnica:

Chancela: Saida de Emergência
Coleção: BANG
Saga/Série: Rainha Vermelha  Nº: 1
Data 1ª Edição: 25/09/2015
ISBN: 9789896378486
Nº de Páginas: 352
Dimensões: [160x230]mm

Encadernação: Capa Mole

Opinião:

Este é livro que abre uma nova saga distópica com o mesmo nome criada por Victoria Aveyard.  Aos poucos temos visto este tipo de sagas a proliferarem no universo literário, e este é mais um caso de sucesso.

Esta história cativou-me logo desde o início, o que mais me interessou foi a sua velocidade e ritmo, as coisas acontecem depressa e com uma velocidade vertiginosa, acabamos por nos sentirmos vidrados nesta história desde o primeiro momento.

A personagem principal, Mare, é mais do que aparenta inicialmente. Esta pensa que é uma pessoa vulgar, igual a tantos outros mas, num momento especial  em que a sua vida estava em risco acabou por se revelar ser algo mais surpreendendo todas, mas acima de tudo surpreendendo-se a si própria. A sua vida muda momento em que tenta roubar uma pessoa, que se revela ser alguém inesperado e que vai mudar tudo nesse mesmo momento. Mas, o que ela pensava que a isa salvar do recrutamento, acaba por levá-la por um caminho muito mais perigoso.

Cal e Maven são os dois príncipes herdeiros, e os seus destinos cruzam os de Mare. Os dois irmãos não podiam ser mais distintos, um destinado a brilhar e outro a ficar na sua sombra. Ambos conseguem cativar a atenção de Mare e o seu carinho, sentido-se dividida entre os seus sentimentos por cada um.

A trama torna-se cada vez mais intrincada e Mare é avisada para ter cuidado em quem confia, mas o seu jovem coração permanece cego e, no final, acaba por ser traída de uma forma muito vil e acaba por ver a realidade do que são os jogos de poder em que se envolveu.

Quando acabei de ler este livro fiquei ansiosa por ler a sua continuação, e ver quais são os novos obstáculos que  se vão colocar no seu caminho.



LilianaNovais
Reacções:

0 comentários:

Enviar um comentário