quarta-feira, 3 de agosto de 2016

[Opinião] "A Herdeira" de Kiera Cass (Marcador)

1



Sinopse:

A Princesa Eadlyn cresceu a ouvir histórias intermináveis de como a sua mãe e o seu pai se conheceram. Vinte anos antes, America Singer entrou na Seleção e conquistou o coração do Príncipe Maxon - e viveram felizes para sempre.

Eadlyn sempre achou romântica esta história de encantar, mas não tem qualquer interesse em tentar repeti-la. Por si, adiaria o casamento tanto tempo quanto possível. Mas a vida de uma princesa não é inteiramente sua e Eadlyn não pode escapar à sua própria Seleção - por mais fervorosamente que proteste.


Eadlyn não espera que a sua história acabe em romance. Mas com o início da competição, um candidato poderá acabar por conquistar o coração da princesa, mostrando-lhe todas as possibilidades que se encontram à sua frente… e provando-lhe que viver feliz para sempre não é tão impossível como ela pensou.

Ficha Técnica:

ISBN: 9789897542381
Edição ou reimpressão: 06-2016
Editor: Marcador
Idioma: Português
Dimensões: 156 x 234 x 22 mm
Encardenação: Capa mole
Páginas: 320
Tipo de Produto: Livro
Coleção: Marcador Literatura
Classificação Temática: Livros em Português > Literatura > Romance

Opinião:

Finalmente ao final de bastante tempo de espera (sim porque para um leitor ávido, qualquer espera que dure mais do que um mês é enorme, quando queremos saber o resto da história), finalmente tive a oportunidade de voltar ao belo e interessante mundo cirado por Kiera Cass, Illéa.

Não é comum vermos a continuação do felizes para sempre, mas neste livro vemos mesmo isso. Passaram vinte anos e América é a rainha que sempre apoia o seu marido Maxton nos momentos de crise, a rainha que sempre esteve ao seu lado. Neste volume acompanhamos novamente a familia real, mas não pelas mãos desta personagem mas sim pela sua filha, a única menina de quatro filhos, Eadlyn.

Esta personagem vai-nos criar sentimentos contraditórios, por vezes achamos que está a ser arrogante, outras que está a ser vítima de uma enorme pressão. A verdade é que ela foi criada para ser a primeira rainha de Illéa. E isso torna-a mais séria e mais insegura em relação à sua própria essência e natureza, acabando por se revelar ao longo do livro nalgumas decisão mais contraditórias.

Este livro difere dos anteriores porque é uma nova selecção em que a personagem principal não nute sentimentos fortes por nenhum dos seleccionados. O que nos vai parecer bastante interessante. Também há momentos muito intensos que nos vão provocar reacções fortes.

Um livro que se vai distanciar dos três anteriores e que ganha vida própria, não ficando na sombra dos outros.
LilianaNovais
Reacções:

1 comentário:

  1. Gostamos :)
    Obrigado por passares a palavra sobre este livro, Liliana.

    ResponderEliminar