sábado, 2 de abril de 2016

[Opinião] "O Mar Infinito" de Rick Yancey (Editorial Presença)

0

Opinião:

Eu sou fã de ficção científica, e sempre que sai um filme ou um livro sobre este assunto, não descanso até o ver ou ler.

"O Mar Infinito", é o segundo volume de uma coleção de livros que abordam uma invasão alienígena da Terra e a extinção de todos, ou praticamente todos, os seres humanos. Ou seja, um tema recorrente da literatura  de ficção científica e já bastante explorada. Então o que é que faz com que isto não seja mais do mesmo?

Para além de ser mais uma estória de extraterrestres, o autor explora os medos e as fragilidades dos seres humanos, e todos os seus instintos básicos e usa-os contra eles de uma forma muito interessante. Mas, também chocante, já que os vemos de forma crua e nua, expostos para todos os verem.

Em primeiro lugar, todas as personagens centrais são crianças inocentes que se vêm atiradas para situações que nunca teriam de enfrentar de outra forma. Depois, cada um deles amadureceu muito depressa, e podemos verificar essa nostalgia em certas passagens do livro.

O que gostei bastante, neste romance, foi que a personagem principal é uma rapariga e toda a narração é escrita da sua perspectiva.

Uma continuação interessante para um livro que gostei, deixando em aberto inúmeras perguntas e possibilidades de continuação.

Reacções:

0 comentários:

Enviar um comentário