terça-feira, 28 de julho de 2015

[Opinião] "Filhas da Tempestade" de Philippa Gregory (TopSeller)

0



Sinopse:

Estamos em 1453 e o fim do mundo está cada vez mais perto.

Luca Vero é um emissário papal, membro da Ordem das Trevas, recrutado para registar o fim dos tempos. Isolde é uma antiga freira, que abandonou o convento onde estava reclusa, por amor a Luca.

Juntos, com o servo Freize, o irmão Peter e a misteriosa Ishraq, viajam até Piccolo, em Itália, uma cidade atemorizada por superstições.

Piccolo transforma-se quando chega uma cruzada de crianças, liderada por um autoproclamado santo e profeta, João, que afirma ter recebido ordens divinas para conduzir as crianças até à Terra Santa.


Luca duvida de João até que as suas profecias começam a revelarse verdadeiras, podendo tratar-se de milagres. No entanto, até os maiores milagres podem encaminhar para a escuridão… e o caos que se segue é inimaginável.

Ficha Técnica:

Edição/reimpressão:2015
Páginas: 288
Editor: TopSeller

ISBN: 9789898491732

Opinião:

Eu apenas conheci a obra de Philippa Gregory muito recentemente e comecei a ler depois de ter ouvido imensas pessoas a falarem muito bem e a elogiarem esta autora. Sempre me disseram que esta era uma excelente escritora e que as suas obras são muito completas.

Este romance incide bastante sobre uma época negra na história humana repleta de misticismos e de superstições. Eu li este livro numa noite, não o consegui pousar, há sempre aquela onda de mistério que envolve as personagens, estas por sua vez são exóticas e completamente díspares entre si.

A personagem que mais me cativou foi mesmo a misteriosa Ishraq, esta parece-me ainda ter muitos segredos que ainda não revelou e que mantém para si. As personagens ocultam algo e que cabe ao leitor descobrir.

Isolde poderia ser tomada como a donzela em perigo que vai necessitar de alguém que a proteja mas, apesar de ter um feitio complicado acabamos por ver que esta é bem capaz de se defender, mesmo quando tem atitudes de menina mimada que gostaria de fazer o tempo voltar para trás e que o seu pai não tivesse morrido.

Luca luta contra o que sente em relação a Isolde e com a sua vocação. É um homem que busca o conhecimento e que se sente abafado e medíocre perante a sua falta  de cultura.

Há muito ainda para descobrir acerca do temível acontecimento que vai mudar o rumo da história e o destino da peregrinação das crianças pode ser inexplicável e que ilude os nossos protagonistas. Então quem estará a guiar os meninos, Deus ou o Diabo?

Uma resposta que têm de descobrir lendo os livros.

LilianaNovais
Reacções:

0 comentários:

Enviar um comentário