terça-feira, 19 de maio de 2015

[Opinião] "Xerazade - A última noite" de Manuela Gonzaga (Bertrand)

0



Sinopse:

Xerazade - A Última Noite leva-nos aos meandros de uma fascinante tapeçaria narrativa, onde podemos encontrar referências díspares, quer de mitos clássicos ou pré-clássicos, quer ainda de histórias de encantar, juntamente com «memórias» soltas como «um colar de pérolas» desatadas, que a narradora, Xerazade, tenta reconstruir para confortar o amante que, inconformado, se recusa a deixá-la ir embora.

Ficha Técnica:

Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 200
Editor: Bertrand Editora
ISBN: 9789722530125

Opinião:

Quem não se lembra das 1001 noites e do fatídico destino que aguardava a princesa Xerazade? É uma história que nos acompanhou ao longo de toda a nossa infância e adolescência, na sua forma mais simples.

Em "Xerazade - a Última noite" é um romance que nos leva numa viagem por um ambiente mágico, a autora consegue levar-nos para um mundo místico em que as personagens estão envoltas numa onda de mistério e que nos fazem imaginar um mundo diferente do nosso com as suas nuances e pormenores.

Ao longo do livro acompanhamos as histórias que a personagem principal e narradora conta ao seu amante, que tenta não sair da sua beira. Acompanhamos os mitos e lendas já nossas conhecidas mas contadas de outros pontos de vista, gostei particularmente da história de Perséfone e como a sua mãe reagiu à sua perda.

A autora escreve de uma forma simples adornando a sua escrita com alguns floreados linguísticos.

Um livro acerca da perda e do amor.

LilianaNovais
Reacções:

0 comentários:

Enviar um comentário