segunda-feira, 23 de março de 2015

Novidade Vogais

0



«Um olhar extremamente interessante sobre um modo mais calmo, racional e sábio de educar crianças.» - Publishers Weekly

«Fascinante, envolvente, engraçadíssimo, o livro de Druckerman é uma correção extremamente necessária ao que nos foi ensinado sobre educação de crianças e sobre as transformações causadas pelos filhos à identidade da mulher.» - The Sunday Times

--

Em As Crianças Francesas Não Fazem Birra, a jornalista americana Pamela Druckerman, que tem uma coluna no New York Times sobre o tema, apoiou-se na sua vivência pessoal para desvendar os segredos dos parisienses na educação dos seus filhos, abrindo a janela para uma sociedade onde as crianças dormem bem, comem bem e, em geral, portam-se bem.

No seu novo livro, As Crianças Francesas noDia a Dia (Vogais l 160pp l 14,39€) a autora compilou toda a sabedoria da educação francesa em 100 dicas preciosas, apresentadas de forma simples e concisa, que mostram de que forma os pais franceses agem perante as situações comuns do dia a dia:

Como ensinar o seu filho a ter paciência? • Como fazer com que ele coma verduras e legumes? • Como encorajar o seu bebé a dormir a noite toda?
É possível ter um filho e, ainda assim, ter vida social e momentos românticos a dois? • e muito mais.

Dividido em 10 temas principais, incluindo comer, dormir ou os segredos da maternidade, este livro revela as lições intemporais desenvolvidas pelos pais e educadores franceses, apresentando ainda uma breve discussão sobre as mesmas. No final, encontrará menus completos com as receitas preferidas das creches parisienses.

Espirituoso, conciso e repleto de bom senso, este livro oferece uma mistura de dicas e princípios orientadores intemporais para ajudar cada pai a encontrar as soluções ideais para a sua família.

A Vogais disponibiliza os primeiros capítulos para leitura imediata, aqui.




Pamela Druckerman é uma jornalista americana, autora do êxito de vendas As Crianças Francesas Não Fazem Birra, livro bestseller do Sunday Times (no Reino Unido) e do New York Times (EUA), publicado em Portugal pela Vogais e que entrou na lista de livros mais vendidos na Alemanha, no Brasil e na Rússia, tendo sido traduzido para 21 línguas.

Entre 1997 e 2002 trabalhou para o Wall Street Journal. Escreveu também para o Washington Post, GuardianFinancial TimesNew York MagazineMarie ClaireVanity Fair France, entre outros, e participou em diversos programas de rádio e televisão, entre os quais Good Morning AmericaToday ShowBBCCBC e Oprah.com. 

LilianaNovais
Reacções:

0 comentários:

Enviar um comentário