segunda-feira, 10 de novembro de 2014

[Opinião] “Tentação Perfeita” de Lisa Kleypas (5 Sentidos)

0


Sinopse:

Foi mais do que um beijo… foi uma oração de beijos ininterruptos, com as sílabas quentes e doces dos lábios e da língua dele inebriando-a de sensações.

Londres prepara o Natal, e o americano Rafe Bowman aguarda o seu encontro marcado com Natalie Blandford, a muito bela e respeitável filha de Lady e Lord Blandford. O aspeto sedutor e físico impressionante do jovem agradariam certamente à prometida, não fosse a sua reputação de libertino e as suas maneiras americanas.

As quatro amigas encalhadas dedicam-se, então, a ajudar o jovem pretendente, ensinando-lhe as regras da sociedade londrina e empenhando-se na aproximação dos futuros noivos. Contudo, o Natal é a época dos milagres, e o amor - essa emoção tão estranha a Rafe - ameaça brotar das mãos mais inesperadas.
Uma encantadora viagem aos recantos do coração, pela autora bestseller Lisa Kleypas, a rainha do romance erótico.

Ficha Técnica:

Edição/reimpressão: 2014
Páginas: 192
Editor: 5 Sentidos
ISBN: 978-989-745-015-0

Opinião:

Com o Natal à porta começa a procura pelas prendas perfeitas e a 5 Sentidos trás uma excelente sugestão para as amantes de literatura erótica. Lisa Kleypas regressa com o livro “Tentação Perfeita” um romance muito indicado para esta época natalícia, uma vez que o cenário em que a acção decorre é nesta mesma época e nos faz entrar rapidamente no espírito natalício. Um romance que nos apetece ler enterrados num cobertor à frente da lareira com alguma bebida quente a acompanhar, café ou chá, dependendo dos gostos.

Eu li este livro compulsivamente, para quem não estava habituada a ler livros eróticos tenho de confessar que cada vez me torno mais adepta deste estilo de literatura e cada vez acho mais interessante ler e entrar nestes universos de sedução e de erotismo, onde as personagens nos trazem momentos quentes e ao mesmo tempo cheios de ternura.

Desta mesma autora eu já li o livro “Paixão Sublime” e tinha gostado bastante. Adorei rever estas personagens e verificar como tinham evoluído com a passagem do tempo.

Neste livro conhecemos o irmão de duas das “Encalhadas”, o boémio Rafe Bowman, que tenta a gradar ao pai e vai até Inglaterra para encontrar uma noiva e a candidata ideal seria a Natalie Bladford, de boas famílias, iria assegurar-lhe boas relações no futuro. Mas, o que ele não esperava era conhecer a prima dela, Hannah, que fala geralmente o que pensa e que é, aparentemente resistente ao charme e aos avanços de Rafe. 

Ao longo do livro vemo-lo a lutar contra o seu coração e que todas as suas decisões aparentemente o levam mais de encontro a Hannah e mais longe das suas obrigações e exigências de seu pai.

Rafe tem de tomar uma decisão muito importante, talvez a mais importante da sua vida, amor ou dever?

Neste romance não faltam momentos tórridos e repletos de intensidade, não só protagonizados pelas personagens principais mas também pelos nossos conhecidos dos volumes anteriores. 

Reacções:

0 comentários:

Enviar um comentário