sexta-feira, 10 de outubro de 2014

[Opinião] “Uma escolha imperfeita” de Louise Doughty (Porto Editora)

0



Sinopse:

Num tom intimista, pleno de emoção, erotismo e um suspense de tirar o fôlego, Uma escolha imperfeita é um romance surpreendente sobre como uma decisão impensada pode mudar o curso de uma vida para sempre.

Yvonne Carmichael trabalhou arduamente para conquistar o que sempre quis: uma invejável carreira na área da genética, uma casa fantástica, uma boa relação com o marido e dois filhos.

Um dia, cruza-se com um desconhecido e, num impulso, começa uma tórrida aventura amorosa - uma decisão que acaba por colocar em causa tudo o que sempre valorizou.

Yvonne acredita que conseguirá manter a relação extramatrimonial sem que tal venha a interferir na sua vida, tal como ela é. Só que, na verdade, ninguém consegue controlar o que acontecerá a seguir.

De conceituada e respeitada cientista a adúltera acusada dos mais variados crimes, Yvonne vê todos os seus planos desmoronarem-se numa espiral de desilusões e violência.

Ficha Técnica:

Edição/reimpressão: setembro de 2014
Páginas: 376
Editor: Porto Editora
ISBN: 978-972-0-04702-1

Opinião:

Este é o primeiro romance que leio desta autora. Quando o vi a sua capa escura chamou-me a atenção, já que faz antever um romance inquietante e com suspense. Doughty não me deixou ficar mal nem as expectativas que criei.

A autora criou uma história que nos faz pensar nas nossas escolhas e como elas podem influenciar o nosso destino. A forma como o romance começa faz antever que algo correu mal na vida e Yvonne e que a levou ao local onde se encontra no momento inicial do romance e isso é uma boa aposta da escritora porque nos aguça a curiosidade acerca do que está acontecer e a criar uma necessidade de lermos o romance e compreendermos os eventos que levaram aquela personagem àquela situação e quem é a misteriosa pessoa que ela quer esconder e proteger.

Doughty cria uma história repleta de acção e sensualidade, com momentos mais tórridos e descrições intensas em que a autora não poupa detalhes e não teme chocar o leitor com certas passagens do livro.

Ivonne é a personagem central deste livro, uma mulher madura que vemos página após página a tomar decisões impulsivas e que não pondera bem sob as consequências dos seus actos, isto leva a que se coloque em situações complicadas e que não sabemos bem como ela vai conseguir sair destas. Por vezes assemelha-se a uma adolescente que toma inconsequentemente decisões importantes.

Ao longo do romance, há várias personagens masculinas que aparecem e que, de uma forma ou de outra, vão interferir na vida dela e cuja interacção vai definir momentos importantes ao longo do romance e decisivos para o desenrolar da acção. Como principal, temos o misterioso desconhecido com quem a Yvonne se envolve logo nas primeiras páginas do livro e que vão influenciar todo o desenrolar do livro e as situações complicadas em que esta se vai envolver. Neste romance o importante é ter em atenção os pormenores que podem ser importantes para compreendermos certas coisas.

Este é um romance sombrio com o seu misto de sensualidade e mistério.
Reacções:

0 comentários:

Enviar um comentário