domingo, 19 de maio de 2013

[Opinião] “O último caso de Poirot”de Agatha Christie (Edições Asa)

0


Sinopse:

Hercule Poirot regressa à mansão de Styles, palco do seu primeiro caso. Na casa está reunido um grupo que muito agrada ao Capitão Hastings. O seu choque é, pois, imenso quando Poirot anuncia que, entre eles, se encontra um assassino implacável. Nenhum dos convidados tem perfil de criminoso, muito pelo contrário.
Com o passar dos anos, a saúde do detetive  deteriorou-se. Será que as suas célebres celulazinhas cinzentas vão desapontá-lo pela primeira vez?
Cai o pano: O último caso de Poirot (Curtain: Poirot`s last case) foi originalmente publicado em 1975 na Grã-Bretanha, tendo sido editado no mesmo ano nos Estados Unidos.

Ficha Técnica:

Coleção: Obras de Agatha Christie - (Vol. 76)
Edição: Mai/2013
Páginas: 224
ISBN: 9789892323442
Editora: ASA

Opinião:

Agatha Christie criou uma personagem memorável que ainda subsiste, até aos dias de hoje, o Hercule Poirot. Este é um investigador cujo método de resolução de crimes faz com que os criminosos, que achavam que iam escapar, acabassem por ser apanhados no momento em que começavam a respirar de alívio. Ele via com bastante clareza o que os outros ignoravam. Ele adorava torturar o seu melhor amigo, obrigando-o a descobrir qual seria o culpado e o seu verdadeiro motivo.

Neste volume vemos um Poirot já com uma saúde debilitada mas, a sua mente mantém-se sã, quando ninguém acredita nisso, o que se torna numa vantagem para ele.

A tensão é “de cortar à faca” durante todo o romance, tememos o que vai acontecer de seguida. Quem é que vai morrer? Quem é o culpado? O que é que vai acontecer de seguida?

Este último, prova que Agatha Christie é uma “Mestre” do romance policial e porue é que ela é considerada uma das maiores escritoras mundiais.

Quanto ao final do livro este deixa-nos um pouco tristes, já que e o último e o seu final, surpreendente, é verdade, também deixa o autor com a sensação de término de uma série de livros que encanta todos os apreciadores de mistérios.

É um romance muito interessante que nos leva a conhecer o extremo de Poirot.
Reacções:

0 comentários:

Enviar um comentário