segunda-feira, 17 de março de 2014

[Opinião] “Tornado” de Sandra Brown (Quinta-Essência)

0


Sinopse:

Ela procura o assassino da irmã… e talvez seja a próxima vítima.

Bellamy Lyston tinha apenas doze anos quando a irmã mais velha, Susan, foi morta num dia de feriado tempestuoso em finais de Maio. Atualmente, dezoito anos mais tarde, Bellamy escreveu um livro de grande sucesso que se baseia no assassínio de Susan. Uma vez que o livro se tinha inspirado no trágico acontecimento que continua a amargurar a sua família, ela decidiu publicá-lo sob um pseudónimo, a fim de os proteger de uma publicidade indesejada. Mas quando um repórter oportunista descobre que o livro é baseado em factos verídicos, a identidade de Bellamy é revelada a par do escândalo da família. Além disso, Bellamy torna-se alvo de alguém sem escrúpulos que, ou por querer que a verdade subjacente ao assassinato de Susan continue por desvendar ou, ainda mais ameaçador, por estar determinado a vingar-se por um homem acusado e condenado injustamente. Para poder identificar quem anda a assediá-la, Bellamy vê-se confrontada com os fantasmas do seu passado, entre os quais se inclui Dent Carter, o namorado instável e irresponsável de Susan - um dos primeiros suspeitos de ter cometido o crime. Dent, com esta e outras máculas no seu passado, está firmemente decidido a limpar o seu nome, para o que precisa da memória bloqueada de Bellamy. Contudo, as suas recordações, até então bloqueadas - depois de desbloqueadas - constituem novos perigos imprevisíveis.

Ficha Técnica:

Ano da Edição / Impressão / 2014
Número Páginas / 484
ISBN / 9789897261121
Editora / Quinta-essência

Opinião:

“Tornado” chega ao Público português amanhã. Para mim foi o primeiro contacto com esta autora e a sua forma de escrever, e foi uma excelente experiência. Sandra Brown, conseguiu capturar a minha imaginação e curiosidade com este romance. Este tem uma excelente qualidade e com um misto de suspense e de sensualidade que vai agradar a todos os leitores. A autora consegue-nos manter no suspense e sempre a tentar adivinhar o que vai acontecer na página seguinte.

Bellamy surge como uma mulher que apresenta-se como uma mulher forte, mas na realidade o que todos vêm é uma fachada que ela criou para se proteger. A realidade é que ela é uma mulher muito insegura e para quem o livro que escreveu servia apenas para exorcizar os fantasmas do passado. Mas será que ela vai conseguir ou será que apenas vai atrair mais complicações?

Dent é uma personagem masculina muito forte e que serve de apoio à personagem anterior, se bem que também ele tem as suas fragilidades. Mas isto torna-o mais real. É muito interessante ver a sua evolução ao longo do livro.

Uma personagem que me irritou bastante foi a da madrasta de Bellamy, Olivia. Pareceu-me que ela era uma mulher muito agarrada às aparências e a nomes de família e que menosprezava quem não pertencia ao seu círculo, uma verdadeira Snob.


Sandra consegue-nos manter o suspense acerca de quem matou Susan até ao fim e vai deixar o leitor surpreendido. Um excelente livro que se lê rapidamente.
Reacções:

0 comentários:

Enviar um comentário