quarta-feira, 22 de maio de 2013

[Opinião] “Abraão o pai das três religiões” de Bruce Feiler (Saída de Emergência)

0



Sinopse:

Num momento crucial em que todos desejamos a reconciliação dessas três religiões, será que a figura de Abraão poderá ser o segredo para a paz?

Simultaneamente contemporâneo e intemporal, Abraão conta-nos a história do homem que Deus escolheu como guia e que está na base das três grandes religiões da humanidade: o Judaísmo, o Cristianismo e o Islamismo.

Num momento crucial em que todos desejamos a reconciliação dessas três religiões, será que a figura de Abraão poderá ser o segredo para a paz?

Bruce Feiler empreendeu uma demanda para melhor compreender o patriarca. Viajando por zonas de guerra e violência inter-religiosa extrema, explorando antigas grutas e santuários, Feiler desvenda detalhes pouco conhecidos do homem que definiu a fé para grande parte do mundo.

Abraão é uma história universal e oferece uma visão rara de esperança que irá desafiar tudo o que sabemos sobre os nossos vizinhos, o nosso futuro e nós próprios.

Críticas

"Feiler foi em busca de provas. Aprendeu que as provas não interessam para nada."
-USA Today

"Feiler é um excelente guia... Imprimiu [nesta obra] uma curiosidade intelectual muito particular."
-New York Times

"Tranquilamente brilhante... apaixonante e piedoso."
-Booklist

"Uma mistura vitoriosa de paixão, observação e pesquisa histórica... Oferece a base para a fomentação de uma comunicação genuína."
-Christian Science Monitor

"Um oásis de inspiiração... A partir de terreno estéril, Feiler emerge, tal como aqueles a quem ele traça um caminho, renovado e transformado."
-People

"...uma combinação brilhante de história, viagens e memória espiritual."
-Publishers Weekly

Ficha Técnica:

Chancela: Saida de Emergência
Data 1ª Edição: 23/11/2012
ISBN: 9789896374785
Nº de Páginas: 256
Dimensões: [160x230]mm
Encadernação: Capa Mole

Opinião:

Quem é que foi Abraão? Terá sido apenas um único homem ou será uma criação baseada em vários?

Os historiadores modernos procuram as respostas para estas perguntas e sinais de que ele realmente existiu. Eles baseiam-se nos três maiores livros religiosos do mundo o Alcorão, a Torá e a Biblia. Em todos, Abraão é tomado como o primeiro monoteísta do mundo.

Bruce Feiler parte em busca de evidências deste homem na Palestina e no Estado de Israel, onde este terá vivido. Percorre todos os locais referidos nos textos sagrados procurando por sinais deixados por Abraão, o seu legado.

Cada texto tem a sua própria abordagem acerca do tema e o autor apresenta-nos as diversas visões dos diversos episódios conhecidos desta personalidade tão conhecida e por vezes ignorada da história.

Será que olhando para Abraão conseguiríamos para com os conflitos religiosos, afinal as três religiões partem da mesma origem? O autor coloca esta questão e a deixa em aberto para o leitor ponderar.

Neste livro é bem patente a tensão religiosa dentro deste território, através de comentários em primeira mão dos vários líderes religiosos e da população que habita aquela região. Proibições e leis limitam os povos e aumentam a tensão.

Bruce Feiler apresenta-nos um relato não-ficcional da sua procura e acaba por nos levar com ele nessa viagem à descoberta. A sua linguagem é bastante acessível e os termos que são desconhecidos para nós estão bem explicados em notas de rodapé.

É um livro bastante agradável de ler e o autor leva-nos pela mão numa viagem através da sua mente e dos seus passos numa busca por um homem que já se tornou um mito e que muda ao longo das eras. Será que a sua conclusão é a mais correcta? Não sei, apenas lendo é que podemos tirar as nossas próprias conclusões.
Reacções:

0 comentários:

Enviar um comentário